domingo, 4 de março de 2018

Permitido Centenária 2016


Todos os vinhos do Márcio Lopes são presença obrigatória na minha garrafeira e à mesa. Provoca sempre um sorriso.
Li algures uma frase que dizia mais ou menos assim: "Até nos momentos de guerra há alguns sorrisos que lutam para amenizar a dor de tanta bestialidade."

E todos os Proibidos, Permitidos e Pequenos Rebentos trazem consigo os sorrisos.
Sorrisos cheios de mineralidade e frescura, no caso deste Permitido Centenária de 2016. Um vinho bastante gastronómico, pede algo com temperos, um Permitido cheio de citrinos em grande intensidade, mineralidade a rodos, com um corpo bem longo e persistente, e com uma frescura "conservante".

Como sempre disse ao Márcio: "tu a mim nunca me enganaste".

Ricardo Soares

Sem comentários:

Enviar um comentário